Foto Fernando Rebelo, Núcleo de Fotografia de ParanapiacabaFoto Fernando Rebelo, Núcleo de Fotografia de ParanapiacabaFoto Fernando Rebelo, Núcleo de Fotografia de Paranapiacaba

Retratos de Época

Reprodução - Fernando Augusto de Paula Assis - Retratos de Época

Algumas das mais belas recordações que o visitante pode levar consigo dos museus operados pela ABPF Regional São Paulo, quer no Brás, no Núcleo Histórico dos Transportes do Memorial do Imigrante, quer em Paranapiacaba, em Santo André, no Museu Tecnológico Ferroviário (Funicular), são as fotografias. Especialmente as da Retratos de Época.

Aproveitando a valorização de objetos históricos e inspirado por um trabalho visto em Londres, Fernando Augusto de Paula Assis decidiu importar a idéia de fazer hoje retratos de época, com todas as suas características. "É comum encontrar esse tipo de negócio na Europa e Estados Unidos. Como aqui no Brasil eu não conhecia, achei que seria bom fazer algo parecido", conta. A aposta foi feita em 1982. O trabalho exigiu uma cuidadosa pesquisa sobre os costumes do fim do século XIX. Vestuário e ambientes de época - para a criação de cenário e figurino - foram minuciosamente estudados para alcançar um grau de fidelidade tal que as fotos pudessem ser confundidas com as realmente tiradas antigamente.

Reprodução - Fernando Augusto de Paula Assis - Retratos de Época

As fotografias antigas de família, em que as moças trajavam vestidos bojudos e os rapazes usavam chapéu e bengala são documentos de registro de uma época histórica. Através delas pode-se conhecer um pouco do que era viver 150 anos atrás. As fotos de época não perderam espaço no mercado. Raras, elas adquiriram status de obras de arte e são disputadas com objetos de decoração.


Foto Fernando Rebelo, Núcleo de Fotografia de ParanapiacabaFoto Fernando Rebelo, Núcleo de Fotografia de ParanapiacabaFoto Fernando Rebelo, Núcleo de Fotografia de Paranapiacaba

Foto Fernando Rebelo, Núcleo de Fotografia de ParanapiacabaFoto Fernando Rebelo, Núcleo de Fotografia de ParanapiacabaFoto Fernando Rebelo, Núcleo de Fotografia de Paranapiacaba

Neste painel vê-se as etapas da produção de um retrato de época no Memorial do Imigrante, desde a escolha do vestuário, sua adaptação até a escolha do cenário, no caso, externo, à frente da Locomotiva Nº 5. Agradecemos à D. Zlatica de Farias, de Belo Horizonte, que gentilmente permitiu o acompanhamento e a publicação destas fotos.


Na Retratos de Época o processo de revelação dos negativos também é semelhante ao de um século atrás. O filme é revelado, o papel fotográfico sensibilizado e, sob processo especial, ganha tons sépia, que dão a aparência envelhecida. "Como as fotos são à moda antiga, a revelação é feita da forma antiga", diz Fernando Assis. A qualidade e durabilidade não são prejudicadas e, bem conservadas, as fotos podem vir a ser "raridades" daqui a um século ou mais.

Reprodução - Fernando Augusto de Paula Assis - Retratos de Época

Os preços começam a partir de R$ 15.00, de acordo com o tamanho da imagem e o número de pessoas presentes. As fotos menores podem ser entregues na hora, as maiores são enviadas pelo correio. Para as caracterizações estão disponíveis figurinos e acessórios para adultos e crianças, de ambos os sexos. O trabalho de restauração de fotos realmente antigas também é executado pela Retratos de Época.

A Retratos de Época atende no Memorial do Imigrante, no Brás, e no Museu Ferroviário e Tecnológico em Paranapiacaba. Contatos pelo telefone (11) 2692.1335, ramal 215, ou diretamente pelo celular (11) 9729.6991. Visite o site  Retratos de Época .

 

Abertura | História e Regionais | Parceiros e Links | Filiação | Contato | Núcleo Histórico dos Transportes - São Paulo | Museu Ferroviário - Paranapiacaba | Passeio de Maria-Fumaça | Passeio de Bonde | Oficina de Restauração e Pátio - São Paulo | Locomotivas | Carros | Vagões e Especiais | Notícias Regionais e Afins | Boletim ABPF | Notícias Ferroviárias | Eventos Realizados | Banco de Imagens

sites, otimização da visibilidade e fotografia
aPaReCe quem é vivo sempre aparece aPaReCe